Tinha que ser Hoje

20 de dez de 2017

Uma adolescência inteira cheia de tempo sobrando e vários nadas para fazer. Mas a gente escolheu sem decidir e acabamos sendo só amigos, durante anos. Anos e anos numa amizade que tava na cara que não era só amizade. A gente se gostava, mas a gente também era bobo demais para dizer isso. E no fundo no fundo, foi bom. Não foi tempo perdido, não é mais uma das coisas as quais eu me arrependo. Na verdade essa eu agradeço, porque namorar um amigo é muito mais legal.

Depois de um tempão, alguns trelêlês e uma lembrança que não ia embora: você. Eu não conseguia gostar de ninguém, sempre vinha você na memória. Quando eu achava que estava me apaixonando de novo durava muito pouco. E aí adivinha? Você de novo. Eu fui levando, mentindo pra mim mesma que era passado, que não tinha nada a ver. Já imaginou eu e você? Pois é, melhor deixar para lá, tentar esquecer, seguir vivendo e o que passou passou. Mas não passou.

Dizem que na vida a gente só precisa de alguns segundos insanos de coragem. Eu tive os meus, foi o suficiente pra mandar "oi sumido". E olha, eu nunca esperei tanto de uma mensagem como essa! Claro que se hoje eu lesse essa mesma conversa estaria morta no chão com vergonha. Não sou mais a mesma pessoa e com certeza não cometo os mesmos erros de português. E incrivelmente foi muito mais do que eu poderia desenhar na minha cabeça. São raras as vezes em que um expectativa é superada, por isso que os médicos recomendam não criá-las.

Até hoje eu nunca te perguntei, mas acho que você queria uma brecha, por menor que fosse. Algum conforto na área pra dizer "ah, aqui eu não corro riscos tão sérios." E eu tentei mostrar a brecha. A brecha não. A porta, um portão, um portal entre dimensões pra mostrar que sim: eu ainda gostava de você. E o mais importante: eu queria ficar com você. Não ficar, ficar, mas F-I-C-A-R com você. Naquele dia, no próximo e bem se até hoje você não entendeu: nas próximas vidas também.

Só quem não me conhece e também nunca leu um texto meu não sabe do meu sonho de viver um grande amor. De resto todo mundo sabe. Eu só nunca imaginei que seria tão rápido, que eu teria tanta sorte e que de fato seria tudo aquilo que eu pensava. E sim, deu tudo tão certo que eu ainda me assusto. Eu ainda penso "meu Deus eu fiz alguma coisa muito certa em outra vida, porque não é possível ter tanta sorte." A segunda opção é pensar que ainda pode vir muita coisa ruim pela frente, mas eu prefiro ser otimista.

Espero que os anos passem e eu continue me sentindo tão apaixonada quanto sempre. Espero que o tempo passe e eu continue dizendo "quem diria" porque eu não me canso de dizer isso. Espero que o tempo passe e eu continue achando que passou muito rápido, porque o tempo com você voa. Espero que o tempo passe e a cada ano eu tenha mais certeza de que algumas escolhas a gente faz, mas outras são feitas por algo bem acima da nossa compreensão.

Eu amo você, eu amo a gente e eu amo esses 1825 dias com você (sim eu usei a calculadora porque você me conhece.) Parabéns!

Por: Sabrina Lima