12 de abr de 2017

Série de livros: A mediadora


Olar minha gente!

Hoje resolvi voltar com os posts de dicas porque eles estavam bem desatualizados né? Como estou numa vibe muito leitora (o que não acontece sempre) resolvi dar dica de uma série de livros que eu li recentemente.

A série da Mediadora contém sete livros, o último foi lançado bem depois do sexto, todos pela editora Galera Record e é escrita pela Meg Cabot, a mesma do Diário da Princesa.

Como são muitos livros eu prefiro fazer um resumão da história do que um por um, acho que ficaria massante o post e a ideia é ser rapidinho.

Nossa personagem principal é Suzannah, uma adolescente de 16 anos. Só isso já diz muita coisa porque adolescência é uma fase de mudanças, onde tudo é esquisito e tal, todo mundo quer se encaixar. Mas como se isso não fosse suficiente, a mãe dela (que é viúva) se casou com um cara super legal que tem três filhos e mora na Califórnia. Por isso logo no início da série Suze se muda de Nova Iorque para morar com o padrasto e os meio-irmãos Jake, Brad e David (ou como ela os chama: Soneca, Dunga e Mestre). Cidade nova, amigos novos, escola nova, família nova, mas um "dom" velho: o de ver fantasmas. Sim ela vê fantasmas e é isso que que move o enredo da série.

Suze tem problemas com construções antigas porque a probabilidade de alguém ter morrido lá é grande. E infelizmente é numa construção antiga que ela vai morar. O problema dela com os fantasmas não é medo, ela não tem medo. Desde muito pequena ela os via. É que os fantasmas que ficam na Terra tem algum assunto mal resolvido e por isso precisam da ajuda de um Mediador, nesse caso Suze, para ir para "próxima fase". E é com tudo isso que ela precisa lidar.

Assim que chega na casa Suze conhece Jesse, um fantasma que vai ser muito, MUITO, importante durante toda a história. Ela conhece outros 3 mediadores ao decorrer dos livros e aprende mais sobre esses "poderes" que ela tem. Arruma uns dates porque Suzannah não é boba. E claro que tem romance no meio dessa história toda, só não posso dar spoiler demais se não perde a graça.

Eu terminei de ler os livros amando a personagem principal. Ela é adolescente e por isso viaja na maionese às vezes, mas por ter esse "plus" de ver fantasmas ela acaba sendo muito madura em momentos importantes. Sem falar que ela faz de tudo para proteger as pessoas com as quais ela se importa e ama. Ela é muito decidida com o que ela quer e "mete a cara" pra conseguir o que ela quer. Eu sou a loca dos romances, então a parte romântica de amor impossível e tudo mais mexeu bastante comigo. Terminei o sétimo livro querendo uma cópia do marido da Suze (no sétimo livro ela está mais velha, pois já se passaram alguns anos).

Enfim, recomendo o livro para quem gosta de histórias leves de "juvenis", fáceis de ler, com um pouquinho de romance e muito fora da realidade. Eu amo viajar lendo livros que não tem nada a ver com a vida real.

É isso galere, até a próxima!

Por: Sabrina M. Lima